Pesquisar por palavra-chave

terça-feira, abril 29, 2008

Contra

"Em primeiro lugar, não levo a sério os números trazidos por esse instituto, porque não goza de independência e credibilidade suficientes para dar um diagnóstico. E nem levo a sério esta discussão de terceiro mandato, que é descabida e não vai ter prosperidade do Congresso"
ACM Neto (DEM-BA) obviamente mordido com o resultado da 92ª pesquisa CNT/SENSUS, desqualificando o instituto que outrora agradava o herdeiro Malvadeza, quando gozava do governo de FHC.