Pesquisar por palavra-chave

quinta-feira, fevereiro 11, 2010

Mário Quintana

        Não te irrites, por mais que te fizerem...
        Estuda, a frio, o coração alheio.
        Farás, assim, do mal que eles te querem,
        Teu mais amável e subtil recreio...
        Mário Quintana