Pesquisar por palavra-chave

segunda-feira, março 21, 2011

Quem não deve não teme

No blog da



O quase ex-vereador Gervásio Morgado (PR) foi ontem à assessoria de imprensa da Câmara Municipal de Belém exigir que assinassem uma nota dizendo que não ouviram a frase “Quem mandou não estudar?”, referindo-se aos pedreiros, que proferiu na sessão que tratou dos riscos da construção civil em Belém, e que eu publiquei aqui no blog.

Ele tem mandado recados de que vai me processar e inventado que eu teria sido intimada e não compareci. Ah! – pasmem! - e que eu serei conduzida algemada à delegacia!

Fale a verdade, ô quase ex-vereador, não precisa intimidar os funcionários, faço questão de usar o meu direito constitucional de preservar o sigilo da fonte. Vai fazer o que? Arrancar minhas unhas com alicate para que eu conte? Dar choques elétricos? Assuma a serviço de quem o Sr. exerce o mandato que deveria honrar. E não se esqueça de que se alguém pode sair algemado é quem jurou cumprir a lei e lutar pelo bem coletivo e ao invés disso se locupleta.

Vou pedir ao MPF para investigar quem são os que financiam as suas campanhas, e mostrar quem são os beneficiários de seus projetos de lei, requerimentos e pronunciamentos. 

Contra os fatos não há o que fazer. 

E repito: quem não deve não teme.