Pesquisar por palavra-chave

segunda-feira, dezembro 14, 2009

Almir: Vale lançou Jatene p/ 2010.

Abaixo, a carta de desfiliação de Almir Gabriel do PSDB-Pará


Devolvo o título de presidente de honra do PSDB do Pará, partido que ajudei a fundar, e do qual me desfilio, em razão dos atuais desvios dos princípios políticos e éticos que o alicerçavam.

Lamento a decisão partidária, supostamente fundada na tola e odiosa discriminação aos idosos.

Pressinto e lamento, principalmente, a rendição ao atual representante exibicionista do Bradesco na Companhia Vale do Rio Amargo, somada ao governo egocêntrico de São Paulo, “territorializando” a recolonização da gestão pública do Pará, dividido e agachado, no momento especialmente favorável para derrotar o petismo obeso e obtuso que retensamente governa o Estado, hoje. Estou certo que novos líderes, junto com o povo paraense, darão as respostas e lições adequadas pelo voto soberano livre a altivo de sua maioria.

Almir Gabriel Bertioga, 14 de dezembro de 2009.


A carta acima é rápida mas precisa e indica  uma séria e contundente acusação de envolvimento da Vale  com as eleições do Pará e de São Paulo nas eleições de 2010. 



A Vale foi a maior empresa já privatizada na história do Brasil. 


Por quem? 


Pelos governos de FHC/Almir Gabriel e ele, o cara que venceu Almir Gabriel nos fóruns decisório do PSDB e será o candidato do partido nas eleições de 2010, Simão Jatene (PSDB).


Na foto abaixo a relação com o ex-PFL (hoje DEM, o partido do Governador José Arruda, de Brasília) quando a vice-prefeita e esposa do presidente estadual da legenda - que é blogueiro e deputado federal nas horas vagas, está curiosíssimo se será procurado pelos antigos aliados ou se virão à reboque já que o que antes era a União pelo Pará está em frangalhos.





Até as eleições de 2010, muita, mas muita água passará por debaixo da frágil ponte que liga os tucanos aos seus comparsas e não se espantem na quantidade de redes de emails e as famosas mídias sociais como o twitter, orkut, facebook, entre outras que serão criadas e servirão de ringue, no qual quem não souber fazer uso de suas luvas , ao certo será nocauteado no primeiro round.


Muitos dos jornalistas diplomados do Pará, já comem suas unhas e cutílas, esquecendo seus  juramentos pós-curso, no qual sabem que não podem servir à Deus e à Mamon.
 

* Vale do Rio Doce é a multinacional que foi vendida por 3,3 bilhões de dólares e hoje está avaliada em mais de 196 bilhões de dólares, tornando-a a maior privatização já feita na América Latina.