Pesquisar por palavra-chave

terça-feira, abril 29, 2008

Contra

"Em primeiro lugar, não levo a sério os números trazidos por esse instituto, porque não goza de independência e credibilidade suficientes para dar um diagnóstico. E nem levo a sério esta discussão de terceiro mandato, que é descabida e não vai ter prosperidade do Congresso"
ACM Neto (DEM-BA) obviamente mordido com o resultado da 92ª pesquisa CNT/SENSUS, desqualificando o instituto que outrora agradava o herdeiro Malvadeza, quando gozava do governo de FHC.

CNT promove Seminário da Região Norte

A Confederação Nacional do Transporte (CNT) realiza na próxima quarta-feira, dia 30 de abril, em Belém (PA), o Seminário Regional Norte do Plano CNT de Logística, que acontece no auditório da Assembléia Legislativa do Pará, a partir das 13 horas e que promete discutir os investimento no setor que avolumam-se em mais de R$ 35,1 bilhões na região.

As inscrições são de Grátis.

Leia mais aqui e aproveite e veja o resultado da pesquisa que deu à Lula o terceiro mandato consecultivo, o que ele não quer - eu acho!

Pró

"Essa avaliação - mais uma positiva - é para mim, um novo "tapa com luva de pelica" na oposição e nos velhos pessimistas porque confirma duas coisas fundamentais: o reconhecimento e a imensa confiança da nação brasileira no presidente e em seu governo. "
Zé Dirceu, em seu blog que agora virou página .com, comemorando o crescimento de Lula.

Lá e Cá

O Quinta registra o "sucesso" da estratégia eleitoiral do PT/PMDB em Ananindeua/Santarém. Resta saber o que fará Sandra Batista que foi "aconselhada" pela governadora a mudar de município para ser a candidata a prefeita em Ananindeua e não o articulador desta engenharia política, Sr. Luiz Freitas, o possível vice de Hélder que idealiza ser prefeito em 2010, quando na certa o herdeiro de Jáder se lançará à vôos mais altos. Não se sabe se pra Brasília ou para a granja Icuí, isso não deve ter sido discutido ainda, ou será que já foi? Em Belém, Mário Cardoso, por sua vez segue sua sina e reúne a militância de todos os distritos administrativos de Belém desde a semana passada e tenta entre ouvir as críticas e incentivos, dar o devido empurrão para si mesmo. O professor que o PT definiu como candidato oficial do partido para a disputa à Prefeitura de Belém, recebe apoio de militantes de todas as tendências, mas ouve muito, muito choro, muitos com razão outros nem tanto, mas uma coisa é certa, desta vez os russos terão que ser consultados na condução do processo eleitoral e evidentemente na composição do governo municipal caso venha ser o eleito. Otávio Pinheiro 3º suplente do PT à ALEPA e dirigente sindical dos urbanitários, Adalberto Aguiar, atual vereador e presidente do PT-Belém e Alfredo Costa também vereador, todos ligados à tendência interna Articulação Unidade na Luta, juntos com Mário, não perdem uma só plenária. O clima, por enquanto é de tranquilidade, atesta o blog.

Terra de Direitos

Começa a pintar na rede mundial de computadores e youtubes da vida, a ação do Choque na desobstrução da Senador Lemos, no ato de protesto contra o Binário do falso-prefeito, ops...falso-médico, que tem os dias contados, se assim Deus e o povo belenense quiser. No Portal do governo estadual, uma busca com a palavra Binário não encontra-se nenhum ai sobre o ocorrido. Pimenta em spray e cacetete não faltaram por lá.

As falas do ônibus

- Será que o Ronaldinho, pegou mesmo aqueles travestis? Tão rico e desejado, estaria faltando algo pra ele? - É o fim-do-mundo, irmã! - Será? Mas dizem que isso existe desde os tempos antigos, nunca vistes aquele filme... - Calígula, é esse? - É. isso mesmo! Pois lá mostra que antes já tinha de tudo isso, um pouco. - Mas alí ninguém pagava nada pra nínguém. - É mas parece que ele também não queria pagar.
Duas senhoras de meia-idade, dentro do Marambaia Ver-o-Peso, hoje, comentando a notícia de Ronaldinho e a suposta tentativa de suborno de um grupo de travestis que ele levou à um motel pensando que eram prostitutas (mulheres). Veja o vídeo postado no youtube que mostra a filmagem do possível momento em que um dos profissionais do sexo fez no ato que o "fenômeno" pegava fulga, ou para se livrar do golpe ou do acerto de contas.