Pesquisar por palavra-chave

quinta-feira, abril 10, 2008

Cara de Pau Sai Tarde

O cara de pau que decorou com alto luxo seu "apê" com dinheiro de pesquisa da UNB, se afasta e cria uma onda de otimismo à quem lutou por isso, ou seja, o movimento estudantil, embalado pelo PSTU e PSOL.

Algo que nos exemplifica é o fato do governador Arruda (DEM) de Brasília, não intervir como se faz por aqui e lá será o CONSUN que deliberará sobre a questão de como fica a gestão da universidade, já que discutiram, o sindicato dos Técnico-administrativos e dos professores, bantendo martelo e aceitando - é claro - a decisão de afastamento provisório do reitor "pila".

Já a classe estudantil vai além disso: querem a queda do vice-reitor que assumiu e mudança na engenharia do pretenso processo eleitoral à ser costurado por acordo entre as categorias, atuantes no CONSUN, ou seja, peso igual para as categorias no processo eleitoral, que agora configura 70% para os professores e 15% para os estudantes e os outros 15 para os funcionários.
Exemplar! Isto nos mostra como deve agir a universidade numa situação como esta, garantindo sua autonomia e gestando suas crises.

Leia mais aqui