Pesquisar por palavra-chave

BATE-PAPO DA PÓLIS

terça-feira, janeiro 23, 2018

Policial cobra de Simão Jatene o fim da matança da tropa no Pará e é contida pela secretária Alice Viana e seguranças do governador



Por Diógenes Brandão

A cena que circula por grupos do Whatsapp foi gravada por uma pessoa que se identifica como policial e aconteceu na manhã desta terça-feira (23), quando o governador Simão Jatene fazia uma visita técnica à Estação de Tratamento de Água (ETA), reinaugura no conjunto Jardim Sideral, em Belém.

No vídeo que a própria policial grava provavelmente pelo seu aparelho celular, o governador Simão Jatene é cobrado a tomar providências para evitar com que haja mais mortes de policiais no Estado do Pará. "Eu quero saber se o senhor vai deixar o Estado ficar igual ao Rio de Janeiro. O Rio de Janeiro enterrou 107 policiais, nós enterramos 05 co-irmãos em 15 dias. Se o senhor não quer tirar esse secretário que não conhece a nossa realidade, aqui é Estado do Pará, aqui não é Rio de Janeiro. Que ele peça pra sair, viu? Mande embora esse secretário de segurança", exige em tom ofegante, a suposta policial que se identifica no momento em que é afastada de perto do governador, por seus assessores e seguranças. 

Cercada de uma barreira humana que lhe afasta do governador, a policial ainda tenta convencer os seguranças e assessores para que a deixem protestar dizendo: Por que quando tá na política fala alto e agora tem que falar baixo? Eu sou contribuinte!". 

Sem conseguir gravar os rostos de quem lhe tirou de perto de Simão Jatene, a policial ainda consegue gravar o momento em que uma pessoa que se apresenta como sendo Alice Viana, Secretária de Estado de Administração intervém no ato e ouve da policial: Quem é a senhora? Não me pegue!

Assista: