Pesquisar por palavra-chave

segunda-feira, fevereiro 09, 2009

A Tara "delles" de cada dia

Só agora alguns dirão, mas As Falas teve que nutrir-se de elementos para iniciar a metida de dedos, todos por sinal, naquilo que deproravelmente surgiu dos manguais do legislativo paraense, o caso do deputado Seffer, acusado de pedofilia e encrencada até o último fio de cabelo.
Abaixo a busca pela verdade dos fatos segue e iremos pontuar a história, tim tim por tim tim.
No Blog Quinta Emenda.
A comentarista Bia, que trabalha na Assembleia Legislativa, cumpriu o que prometeu. Voltou hoje das férias e já localizou oofício que as entidades enviaram ao presidente da AL. A cópia do Ofício 083/2009, em papel timbrado da SDDH, datado de 2de fevereiro passado, dirigido ao Exmo. Deputado Domingos Juvenil, Presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Pará, solicita que "...Vossa Excelência ...nos assegure desde já que o caso envolvendo o Deputado Luís Afonso Seffer, ... se constitui de grevidade e crueldade sem precedentes, seja passado a limpo´pela CPI para que não perdure nenhuma dúvida de tolerãncia e quiçá envolvimento desse Parlamento com a impunidade e esse tipo de crime hediondo." Assinam: a SDDH, o CDA, a OAB e a SÓ DIREITOS. Foi formalmente entregue na Seção de Protocolo da Assembléia, no dia 04 de fevereiro, às 14:00 horas, como mostra o carimbo. Agora fica mais fácil alguém localizá-la.

Belém, Belém...

Peça publicitária do aluno de comunicação social da UNAMA, Carlos Costa que é estagiário da assessoria de comunicação da SEEL.

Na próxima quarta-feira, dia 11 de fevereiro, acontece mais uma reunião do Grupo de Trabalho que vem discutindo, desde o ano passado, as diretrizes para a realização da Conferência Estadual de Comunicação, que antecede a I Conferência Nacional de Comunicação, anunciada pelo presidente Lula, durante sua estadia em Belém pelo Fórum Social Mundial.

Após o anúncio de Lula, as delegações pró-conferência de todo o Brasil que estavam na capital paraense, aproveitaram para se reunir. Esta semana, em reunião do GT Nacional da Conferência com representantes do Governo Federal, no dia 04/02, ficou acordado que em quinze dias o decreto de convocação da Conferência será publicado. Em seguida, será também publicada a portaria que nomeia a comissão organizadora desta Conferência Nacional. A comissão deve ampliar o debate com movimentos da sociedade civil sobre o formato deste evento histórico na história de nosso país.

Na pauta da reunião do GT da I Conferência Estadual de Comunicação serão discutidos os encaminhamentos sobre o decreto; entrega de orçamentos dos sub-grupos de mobilização de cada região: RMB/Marajó, Marabá, Altamira, Castanhal e Santarém; calendário de mobilização para o seminário e organização do seminário (logística e infra, proposta política, equipes operacionais).

A I Conferência de Comunicação do Estado do Pará é fruto da consolidação de forças e pensamentos que, na direção da construção de um novo ideal de comunicação, promove o debate da sociedade civil, entidades, estudantes e movimentos sociais.

Nesse sentido, visando a quebra de barreiras ideológicas e geográficas que excluem e condenam parcelas da sociedade à marginalidade e esquecimento, o GT da Conferência Estadual de Comunicação está convocando a todos e todas que desejam construir e afirmar no Pará a Comunicação como direito Humano, à discutir o direito à comunicação, a concepção democrática de acesso, identificar os desafios, apontar prioridades para as ações governamentais, entre outros temas, que farão parte das mesas.

A reunião acontece na próxima quarta (11/02), às 17h, no Sindicato dos Radialistas (Trav. do Chaco, entre Duque de Caxias e Visconde - quase esquina com a Duque). Outras informações no blog da Conferência Estadual de Comunicação: http://conferenciacomunicacao.wordpress.com/