Pesquisar por palavra-chave

sexta-feira, agosto 27, 2010

Caldo de Galinha pra Tabajara FM

Muito suspeito o espaço dado pela mídia da RBA ao fechamento da Rádio Tabajara. Outras rádios comunitárias foram fechadas neste estado e a grande mídia sempre utilizava a manchete " MAIS UMA RADIO PIRATA FOI FECHADA".

Era e é assim que a grande mídia se referia às radios comunitárias que ainda não possuem registro (outorga).

Não podemos esquecer que a ABERT fez spots e distribuiu para todas suas afiliadas, inclusive as do Estado do Pará, onde insistia que as rádios comunitárias derrubavam aviões, até um 0800 foi colocado à disposição dos ouvintes/telespectadores para denunciar nossas pequenas rádios, num claro patrulhamento contra nossas radios comunitárias.

Muito suspeita e estranha mesma esta defesa intransigente de uma rádio que tem proprietário, mas não tem como a maioria a liberação da ANATEL.

De qualquer forma solidariedade ao pessoal da Tabajara, pois somos radicalmente contra fechamento de radcom, porém, não me consta que os "donos" dessa emissora façam parte de um movimento em defesa de RADCOM, aliás nunca os ví em nenhuam atividade relacionada à defesa de nossos movimentos.

Cautela e caldo de galinha não fazem mal à ninguém.

Luiz Cunha - Radialista e sindalista, fundador da Rádio Comunitária Erê-FM.