Pesquisar por palavra-chave

segunda-feira, novembro 09, 2015

Puty confirma que não será candidato a prefeito de Belém

Convocado para mais uma nova importante tarefa no governo federal, Puty anuncia que não será candidato em Belém.

Conforme este blog já havia adiantado aqui e aqui, o ex-deputado federal Cláudio Puty (PT-PA) confirmou na tarde desta segunda-feira (09), que não será mais candidato a prefeito de Belém. O anúncio foi feito no dia em que teve sua nomeação como Secretário-Executivo do Ministério do Trabalho e Previdência, publicada no Diário Oficial da União.



Com a confirmação das candidaturas de Edmilson Rodrigues pelo PSOL e de Lélio Costa pelo PCdoB, somado à pressão da militância petista, que soube das conversas que circularam nos bastidores, Puty se viu obrigado a quebrar o silêncio e anunciar sua decisão.

Em nota, Puty informou oficialmente à direção do PT Belém, o que já havia feito informalmente há mais de uma semana, mas segundo informações de pessoas ligadas à sua tendência, a cúpula do partido pediu-lhe que só anunciasse publicamente sua renúncia, quando outro candidato já pudesse ser anunciado no seu lugar.

De agora em diante, o partido tem um grande dilema para ser resolvido. O único inscrito como pré-candidato à disputa eleitoral de Belém é o professor Augustão, que segundo alguns dirigentes petistas, não tem condições políticas de ser mantido como candidato único até sábado (14), data limite para que haja a decisão de quem será o representante do partido na disputa eleitoral para Belém, conforme prevê a Resolução Política do Diretório Municipal do PT Belém, aprovada no dia 19 de setembro deste ano.

Segue a nota de Cláudio Puty

Ao Presidente do PT-Belém.

Às Companheiras e companheiros do Diretório Municipal do PT-Belém.

Venho através desta comunicar que não mais poderei disponibilizar meu nome como pré-candidato do partido à prefeitura de Belém.  Fui convocado pela Presidenta Dilma para exercer a função de secretário executivo do novo Ministério do Trabalho e Previdência Social em um momento difícil do governo – onde direitos duramente conquistados pela classe trabalhadora merecem ser defendidos – o que exigirá dedicação exclusiva e impediria o cumprimento das tarefas que uma candidatura exige.

O PT tem em seu quadro de filiados excelentes nomes para disputa da prefeitura de Belém.

Sigo à disposição do partido para a defesa militante de nosso projeto e contribuir para que o PT tenha uma forte campanha eleitoral em 2016.

Saudações Petistas,

Claudio Puty.