Pesquisar por palavra-chave

quinta-feira, outubro 18, 2012

Belém: Nova pesquisa de intenção de votos do 2º turno


No blog do pesquisador Edir Veiga.


Quem vai ganhar o segundo turno? não sei, não tenho bola de cristal. A ciência política de inspiração weberiana trabalha com a noção de tendências probabilísticas.
 
No caso de Belém temos algumas pistas de por onde a teoria nos ajuda enxergar no momento de reinício da competição de segundo turno entre Ed e Zê.
 
Parto de algumas asertivas, ou seja, antecedentes lógicos para derivar as respectivas consequentes:
 
1- O status kuo ideológico da cidade  Belém é de centro conservador.

2-O deputado ED está na extremidade esquerda deste espectro ideológico

3-Zenaldo está posicionado no centro deste status kuo belenense

4-Eleitores de J.Lima, Priante e Anivaldo tendem majoritariamente para o centro ideológico da cidade.

5- Eleitores de Jordy e do Alfredo tendem majoritariamente para o espectro de esquerda.
 
Isto posto, posso concluir.

Zenaldo tende a sair com uma boa vantagem sobre Edmilson quando o realinhamento eleitoral se colocar neste segundo turno. 
 
Esta tendência é defintiva? nada é definitiva em disputa política, mas probabilisticamente, Zenaldo tende a vencer o segundo turno.
 
Lembremos, os candidatos não são donos do voto de seus eleitores. Os candidatos devem se posicionar coerente com a tendência de seu eleitorado, sob pena de virem a se desmoralizar.

O PT também vota nulo em Belém



"Quase todos os partidos se dão conta de que para a sua própria autoconservação lhes interessa que o partido oposto não perca forças; o mesmo se deve dizer para a grande política. Especialmente uma criação nova, por exemplo o novo Reich, tem uma maior necessidade de inimigos que de amigos: só na antítese se sente necessário, só na antítese chega a tornar-se necessário... Não nos comportamos de outro modo com o nosso "inimigo interior"

(Friedrich Nietzsche, "Crepúsculo dos ídolos, ou como se filosofa à marteladas", Lisboa, Guimarães Editores, Ltda, 1985)

Para entender a posição do único Núcleo de Base ainda existente no PT-Belém, leia a nota publicada no Facebook.