Pesquisar por palavra-chave

segunda-feira, março 14, 2011

OAB de olho na sujeira

 
Em dois meses, o Governador Jatene deu posse a 450 novos assessores especiais, de familiares de deputados aliados a membros do Judiciário.

O cúmulo do fisiologismo foi a entrega a Jatene de uma lista com a indicação de parentes de 12 desembargadores do TJPA.

A OAB-PA vai pedir ao CNJ abertura de investigação sobre as nomeações do TJ. A Ordem já confirmou as nomeações de parentes de quatro juízes.



Tuitadas da Ordem dos Advogados do Brasil, manifestando a posição da entidade em apurar as graves denúncias feita pela Revista IstoÉ, que revelaram  a  descarada  nomeação de familiares de juízes e desembargadores paraenses em cargos de "assessores  especiais" do governador Simão Jatene, já enrolado no caso Cerpasa e agora em volta à mais este escândalo de consequências ainda imensuráveis.

Enquanto isso, jornalistas paraenses lotados nos veículos de comunicação do Estado, seguem comendo um paneiro de abil por dia para manterem-se humilhantemente calados.