Pesquisar por palavra-chave

segunda-feira, março 09, 2009

A Crise e a Arrogância do Ocidente

No  Blog do Noblat

Em todos os paises se estão buscando saídas para a crise atual. Mais que crise, no meu modo de ver, estamos diante de um ponto de mutação de paradigma que está prestes a ocorrer. Mas está sendo protelado e impedido pela arrogância, típica do Ocidente. O Ocidente está perplexo: como pode ele estar no olho da crise, se possui o melhor saber, a melhor democracia, a melhor consciência dos direitos, a melhor economia, a melhor técnica, o melhor cinema, a maior força militar e a melhor religião?

Para a Bíblia e para os gregos essa maneira de pensar, constituía o supremo pecado, pois as pessoas se colocavam no mesmo pedestal da divindade. Eram logo castigadas ao desterrro ou condenadas à morte. Chamavam essa atitude de hybris, quer dizer, de arrogância e de excesso. Ouçamos Paul Krugman, Nobel de economia de 2008, no dia 3 de março no New York Times:”Se você quer saber de onde veio a crise global, então veja a coisa dessa forma: estamos vendo a vingança do excesso; foi assim que nos atolamos nesse caos; e ainda estamos procurando uma saída”. Não se dizia antes greed is good? A ganância que é excesso, é boa?

Arrolemos outra citação do insuspeito Samuel P. Huntington em O choque de civilizações: ”É importante reconhecer que a intervenção ocidental nos assuntos de outras civilizações provavelmente constitui a mais perigosa fonte de instabilidade e de um possível conflito global num mundo multicivilizacional”. Huntington explica que é a arrogância que o move a estas intervenções. Os ocidentais pretendem saber tudo melhor. Johan Galtung, norueguês, um dos mais proeminentes mediadores de conflitos do mundo, trabalhou três anos tentando mediar a guerra no Afeganistão. Afastou-se, decepcionado e irritado, denunciando: “a arrogância ocidental impede qualquer acordo; este só é possível à condição de os talibãs se submeterem totalmente aos critérios ocidentais”.

Talvez a forma mais refinada de arrogância foi e é vivida pelo Cristianismo, especialmente sob o atual Pontífice. Rebaixou as outras Igrejas negando-lhes o titulo de Igrejas. Impugnou as demais religiões como caminhos para Deus.

Mas tem antecessores mais severos: Alexandre VI (1492-1503) pela bula Inter Caetera dirigida aos reis de Espanha determinava: “pela autoridade do Deus Todo-Poderoso a nós concedida em São Pedro, assim como do Vicariato de Jesus Cristo, vos doamos, concedemos e entregamos com todos os seus domínios, cidades, fortalezas, lugares e vilas, as ilhas e as terras firmes achadas e por achar”. Nicolou V (1447-1455) pela bula Romanus Pontifex fazia o mesmo aos reis de Portugal. Concedia “a faculdade plena e livre para invadir, conquistar, combater, vencer e submeter a quaisquer sarracenos e pagãos em qualquer parte que estiverem e reduzir à servidão perpétua as pessoas dos mesmos”.

Dá para ir mais longe no excesso e na hybris? Apagou-se totalmente a memória do Nazareno que pregava o amor incondicional e que todos somos irmãos e irmãs.

A arrogância do Ocidente impede que os chefes de Estado, face à atual crise, se abram à sabedoria dos povos e busquem uma solução a partir de valores compartilhados e de uma visão integradora dos problemas da Casa Comum, ferida ecologicamente. Nos discursos de Barack Obama ressoa a arrogância tipicamente norteamericana de que os EUA ainda vão liderar o mundo. É uma liderança montada sobre 700 bases militares espalhadas por todo o mundo e munidas com armas de destruição em massa, capazes de dizimar a espécie humana e deixar atrás de si uma Terra devastada. Essa liderança arrogante não queremos.

A Frase do dia

Com vocês, o presidente da Comissão de Infraestrutura do Senado, presidente do PTB de Alagoas, ex-presidente do Brasil e agora gerente do PAC!.
Do locutor da convenção do PTB ao apresentar o senador Fernando Collor No blog do Noblat.

Governo Serra, corrupção brava e milhões para a Editora Abril e Globo

É tanta safadeza que vamos por partes:
Propaganda do governo Serra: 2007 - R$ 88,3 milhões 2008 - R$ 178,7 milhões 2009 - R$ 313 milhões (previsão orçamentária) Entre 2007 e 2009 um aumento de quase 400%. Um desperdício. Advinha para o bolso de quem vai este dinheirão? Enquanto isto o governo do estado inova na educação. Cria as salas de aula de madeirite. Grande inovação! Falta todo tipo de manutenção nas escolas, um horror. Escolas com banheiros que é puro lixo, escolas sem professores, etc. Enquanto isto o pessoal do nordeste e do sul assiste a propaganda do governo de São Paulo. E a secretaria do meio ambiente do estado praticamente não existe. Dizem que falta recursos... Agora você vai saber quanto o Serra "investiu" em duas "empresas": "o governo paulista gastou R$ 526 mil em contratos com o Grupo Abril em 2007. Já em 2008, o valor dos contratos subiu para R$ 11,5 milhões, o que revela um aumento de 2.000% em apenas um ano". "A Fundação Roberto Marinho, mantida pela Globo, recebeu do governo paulista R$ 60 mil em 2007. Em 2008, a soma dos valores pagos chegou a R$ 13,8 milhões. Esse montante representa crescimento de 20.000% em relação a 2007. Somente no início de 2009, a Fundação Roberto Marinho já abocanhou outros R$ 609 mil dos cofres paulistas". Dados do Sistema de Acompanhamento da Execução Orçamentária - Sigeo - utilizado pelo PT no levantamento" . OBS: nestes valores NÃO estão incluídos os gastos milionários com propaganda. É dinheiro na veia das empresas. Dinheiro e poder. É o que eles querem. (informações do blog Conversa Afiada) Agora aparece um vídeo mostra a corrupção desefreiada na polícia de São Paulo. Segundo um vídeo os delegados tinham que pagar até 250 mil para serem indicados para "bons cargos".  Tem um tal de Lauro Malheiros, ligadíssimo ao Serra e ao Guilherme Afif Domingos, que entrou na secretaria de segurança para ser o homem de confiança do Serra. Veja no link abaixo: http://www.youtube. com/watch? v=jsHo5uEcsNk&eurl=http:// www.osamigosdopr esidentelula. blogspot. com/&feature=player_ embedded O assunto está sendo tratado de "salto alto" pelas duas editoras. Estão pensando em como vão apresentar o caso. Quem sabe uma notinha demonstrando todo o interesse do Serra em investigar.. . (parece piada, mas não é). Pesquise aqui no blog do Chicão digitando Serra que você verá a quantidade de vezes que venho alertando para a situação decrépita do governo José Serra.

Ciência, Religião, Estupro e Aborto

No Blog Espaço Aberto
“Como cristão e como católico, lamento profundamente que um bispo da Igreja Católica tenha um comportamento, eu diria, conservador como esse. Ou seja, não é possível que uma menina estuprada por um padrasto tenha esse filho até porque a menina corria risco de vida. Eu acho que, nesse aspecto, a medicina está mais correta que a Igreja. A medicina fez o que tinha que ser feito: salvar a vida de uma menina de nove anos."
Presidente Luiz Inácio Lula da Silva (ao lado), criticando o arcebispo de Olinda e Recife, dom José Cardoso Sobrinho, que excomungou todos os membros da equipe médica que fizeram o aborto na menor. “Se o presidente da República deseja fazer um pronunciamento sobre um tema teológico, eu sugeriria que ele primeiro tivesse ajuda de seus assessores que conheçam a doutrina da Igreja Católica.” Dom José Cardoso Sobrinhoem resposta a Lula.

Status Quo

Enquanto isso numa Pólis

À Brasileira