Pesquisar por palavra-chave

segunda-feira, fevereiro 07, 2011

PMDB e PSDB: A Aliança, enfim selou!


"Na política não há amigos, apenas conspiradores que se unem. (Victor Lasky)

Posso estar errado, equivocado, abstruso – toma-te!

Pode ser que o açaí com peixe que almocei ontem me tenha feito alucinar.

Ou poderia ser que a latinha da Cerpa, com o emblema do Clube do Remo que aceitei, ontem no lançamento do bloco “Cadeado” na Marambaia, tenha feito mal ao meu cérebro.

Mas suspeito.

Sabe aquela suspeita a gente só tira da cabeça quando não tem mais jeito de se provar o contrário.

Do que suspeito?

De que a matéria publicada no Jornal Diário do Pará de ontem, assinada pelo Jornalista Carlos Mendes sob o título “Escândalo na SEMA envolve cinco deputados”, sendo inclusive a capa da edição dominical, seja fruto de uma articulação entre o comando da Secretaria de Comunicação do Governo do Estado do Pará com os líderes do PSDB e do PMDB de Jader Barbalho, o dono do jornal e aliado de Simão Jatene, o governador que está 30 anos no poder e diz que o atraso do Pará é culpa do PT e da gestão de quatro anos de Ana Júlia.

Ao meu ver, na minha suspeita, os objetivo mor da trama seria matar 2 coelhos, um de Jatene, outro de Jader.

O primeiro é tirar a atenção das pessoas para a volta do caso Jatene x Cerpa, que retornou aos meios de comunicação por força das redes sociais e blogs atuantes* no início do governo tucano, com a possibilidade de julgamento do escandaloso esquema de corrupção que se implantou no Pará, quando o governador Simão Jatene teve seu nome envolvido no processo que apura o perdão de uma dívida milionária da Cerpa com os cofres públicos do Pará.

A isenção de impostos e o perdão da dívida seriam “pagamentos” pela “ajuda” que a CERPASA teria dado ao governador em sua campanha eleitoral em 2002 quando disputou e venceu Maria do Carmo (PT) no segundo turno das eleições e manteve a hegemonia tucana no Pará por 12 anos, retornando agora em 2010 com a vitória sobre Ana Júlia (PT) a quem acusa de ter deixado uma enorme dívida para sua gestão.

O segundo coelho, seria selar a estratégia tucana que retomou a aliança PSDB/PMDB e contemplar a tática pmdbista, pois Jader se acha na obrigação de ajudar o início do governo tucano, do qual faz parte, controlando secretarias e mesmo sem mandato, procura manter órgãos tanto estatais como federais, sob sua tutela, por acordo da aliança entre o PT e o PMDB nacional.

Juntando a fome com a vontade de comer, o rancor do jornalista Carlos Mendes seria o fato que faltava para o banquete que seria servido aos leitores do Diário do Pará e os telespectadores do Sistema RBA de comunicação.


Nota da Dep. Bernadete sobre a SEMA.

Hoje pela manhã, perguntei pelo twitter à deputada Bernadete Ten Caten qual a sua posição sobre a denúncia feita no Diário do Pará sobre seu envolvimento no fraudes na Secretaria de Estado de Meio Ambiente.


De pronto, após cerca de 40 minutos, a deputada me enviou o seguinte email com o conteúdo abaixo:


NOTA DE ESCLARECIMENTO

 Na condição de Parlamentar reeleita e legitimada pela sociedade paraense com quase 34 mil votos, sempre atuei no parlamento na luta por interesses coletivos, em favor da sociedade. Desta feita, em poucas linhas venho demonstrar indignação com a matéria veiculada no Jornal Diário do Pará neste Domingo, 06 de fevereiro, a qual deixa a entender que eu estaria envolvida em escândalos de fraudes junto a Secretaria de Meio Ambiente do Estado.

 Tenho o dever de informar à sociedade que existe um grande equívoco na matéria veiculada, pois de forma alguma participei, ou participo de esquemas junto a SEMA para a aprovação de licenças ambientais em meu favor. Nunca fui notificada pelos Órgãos da Justiça Paraense para me defender a esse respeito. Igualmente ninguém ligado a meu gabinete parlamentar esteve envolvido em qualquer esquema ou fraude na SEMA.

 Esclarecemos que não só junto à SEMA, mas em todos os Órgãos Estaduais e Federais, meu mandato tem atuação, mas unicamente na defesa dos interesses coletivos dos setores que buscam apoio político junto a meu mandato. Fazemos isso, sempre pautados na legalidade.
  
Por fim, volto a afirmar a todos que não temos envolvimento direto ou indireto com supostas fraudes na aprovação de planos de manejo inexistentes ou com irregularidades junto a SEMA ou qualquer órgão ambiental.

Lamentamos profundamente a clara perseguição política que o mandato vem sofrendo, na tentativa de enlamear nossa história e a história do Partido dos Trabalhadores.

Nada nos abalará! Estamos firmes e convictos da nossa contribuição na construção de uma sociedade cada vez melhor.

Bote fé!

Deputada Bernadete Ten Caten.

Dois Lutadores magníficos e um aprendizado

No blog do Arroyo.

Do amigo, mestre de Karatê e escritor José Vieira



Lá estava, eu, e meus amigos karatecas. Todos esperando por uma luta singular, entre dois grandes campeões; sabíamos que para o Victor Belfort, essa luta, era uma luta de vida ou morte, conforme a moda dos samurais. Mas sabíamos também que: o Anderson Silva nessa luta precisava mostrar para o mundo, por que é considerado o melhor lutador da atualidade. A luta começou, o bio-tipo físico de cada um, já dizia tudo... 

Gordura zero, eles treinaram muito... Muito... Muito.  

O Juiz deu autorização para iniciar o combate, os primeiros minutos foram marcados por um combate mental, os dois se estudando, procurando encontrar uma brecha na guarda do outro, mas os dois titãs, não abriam suas guardas e, assim, o ataque tão esperado não surgia. O Victor com sua incrível velocidade partiu para cima, buscando quebrar a guarda do Anderson, e, quase conseguia, depois de um rápido troca-troca. Mas essa investida tão rápida do Victor, não lhe deu tempo de embainhar totalmente sua espada, e, o Anderson Silva que se encontrava em estado de vazio total, conseguiu perceber este pequenino detalhe. (detalhe este, que para maioria dos lutadores não conseguem enxergar) 

E ai, pudemos então assistir a um golpe magnífico, magistral, perfeito... No karate tem um nome de "Mae-Geri" golpe frontal. Muito aplicado a altura média, 99,9% visa a barriga, e quase sempre vem acompanhado por um soco que complementa este golpe. Raríssimo, se ver alguém chutar no rosto utilizando esse golpe. Mas ai, é que está à diferença, entre o Anderson Silva e os demais lutadores que aplicam esse golpe (eu me incluo no meio), somente um gênio poderia aplicar com tanta maestria e, como diz meu amigo que me enviou um correio, o qual estou comentando, ele nos relata que o golpe foi:O chute foi um movimento plástico espetacular, certeiro, com uma precisão milimétrica, "cirúrgico", algo extraordinário.  

O Magnífico Anderson, não precisou desferir nem um soco contínuo, para acompanhar seu mortal golpe. Em estado de Zan-Shin, embainhou sua espada e assistiu seu oponente desabar, cair aos seus pés, já cortado pela sua espada afiadíssima -
Mas uma vez, sua mente vazia por completa, observou, mas um pequenino detalhe, o magistral golpe não tinha demolido totalmente seu oponente e, na fração de segundo que se segue entre a observação e sua visão, ele saca duas espadas espetaculares e com dois golpes que se funde em um só, por tão grande velocidade que são desferidos, capitula seu já desacordado desafiante.

 
Assistimos a seguir, não gritos de vitórias, mas, há um belo espetáculo, o Campeão como coração possuído pelo espírito de "Cocoro", coração magnânimo, ajoelha-se na frente do seu adversário e, o cumprimenta respeitosamente, valorizando sua vitória e também a derrota do seu adversário, pois ele sabe que esteve frente a frente com um grande adversário, pois assim como ele o venceu, também poderia ser derrotado, que os ensinamentos de tão belo combate, vão lhe servir para sempre, na longa senda da vida. Observção: Amigos tenham sempre em mente este coração magnânimo, tão bem demonstrado, por este autentico Samurai "Anderson Silva", que mesmo com tão importante vitória, não demonstrou nenhum ato de orgulho ou soberba.

Abraços, José Vieira