Pesquisar por palavra-chave

quarta-feira, fevereiro 25, 2009

Resultado do Carnaval 2009 Belém

1. Embaixada 2. Rancho 3 Piratas 4. Quenzão 5. Deixa Falar 6. Tradição Guamaense 7. Bole-bole 8. Acadêmicos da Pedreira - esta última foi rebaixada.

Entre um e outro, largue os dois!

Nas duas pocilgas (Diário do Pará e O Liberal) de hoje, críticas ao atendimento nos pronto socorros da RMB (Região Metropolitana de Belém). Uma, relata a morte de duas pessoas (pobres contribuintes) no PSM da 14 de Março, já a outra revela - o que já sabemos há anos - o tratamento desumano no PSM da Cidade Nova em Ananindeua.
Mesmo atestando a realidade cruel e nefasta que tanto o prefeito Hélder em Ananindeua, quanto Duciomar em Belém, não há como perceber a parcialidade para com um contra a denúncia do outro, fruto é claro do interesse dos donos dos meios.
Uma é da família, a outra é dos quitandeiros, famosos em defender com unhas e cacetetes os devaneios e de$ejos familiares, tal como a outra que nunca mexe uma linha no jornal, um segundo nos rádios e na TV para expor a vida pregressa de seu dono. 
Uma vergonha !
Não faltam críticas à tradicional escola de samba Quem São Eles.
Mas como este poster esteve in loco e sentiu na pele, boa parte dos problemas, entre eles, a falta de fantasias e inclusive - e especialmente - a garra, a determinação e a alegria entusiasmante de todos e todas as participantes do desfile e do público que reverenciou o espetáculo da escola e sem dúvida refrigerou a alma da família Quenzão.
Mas passada a ressaca fica aqui uma observação que merece se checada: Quem tem culpa nessa estória de verdade?
O presidente da Escola, os orgãos culturais (FUMBEL, SECULT) ou o conjunto da escola?
Com certeza não foi o enredo que desde já recebe nota 10.
E viva Dalcídio Jurandir e o Marajó.

O Ano da França no Brasil

Aqui, o site especial.
A revista Vogue lançou, juntamente com a publicação de dezembro de 2008 sobre a vinda histórica de Madonna ao país, uma edição especial sobre o Ano da França no Brasil.
Com a chancela do governo francês e feita em parceria com a Maison de la France, Departamento Oficial de Turismo Francês, a publicação conta com tiragem inicial de 67 mil exemplares, sendo reeditada ao longo do ano de 2009.
“A Vogue França Brasil será a revista oficial das comemorações francesas e contará, pela primeira vez, com a chancela do governo francês e o glamour mundial da Vogue”, afirmou Idel Arcuschin, publisher da Vogue no Brasil.Empresas como Air France, Galeries Lafayette, Chanel, Jack Vartanian, LongChamp, Paris 6, Chef Rouge, Hyatt, Plaza Athénée, Fouquet´s Barrière e Le Meurice são apoiadores comerciais e patrocinadores da revista.
O conteúdo especial traça um perfil das personalidades francesas mais interessantes da atualidade e abordará temas variados, além da agenda cultural do calendário de eventos oficiais em 2009.