Pesquisar por palavra-chave

terça-feira, julho 19, 2011

Inquérito aponta suspeito de mandar matar casal no Pará

Na Folha on line.



O inquérito da Polícia Civil do Pará sobre o assassinato do casal de extrativistas José Claudio Ribeiro da Silva e Maria do Espírito Santo, mortos em 24 de maio, aponta como mandante do crime José Rodrigues Moreira, dono de terras no assentamento onde eles viviam.

A Folha apurou que ele é suspeito de ter encomendado a morte a dois homens, cujos retratos falados já haviam sido divulgados no mês passado.


O resultado das investigações, protocolado na segunda-feira (18) na Justiça, deve ser divulgado oficialmente na quarta-feira (20).

Leia+
 

O legislativo estadual paraense na divisão do Pará

No Blog do Henrique Branco

O blog externa aos seus leitores o posicionamento de cada deputado estadual em relação à redivisão territorial do Pará. Se faz necessário conhecer os parlamentares que estão defendendo a divisão, os que são contra, advogam por um Pará unido e outros que (por conveniência política ou não) ainda não decidiram a qual lado defender. A lista com o posicionamento de cada parlamentar foi construída através de pesquisa e consulta aos próprios e assessores. Pesquisa de opinião apontou o seguinte quadro: 

A Favor da divisão: 17 deputados
 
Neutros na divisão: 17 deputados
 
Contra a divisão: 7 deputados
 
Deputados que são contra a divisão do Pará

Carlos Bordalo------------------------------- PT


Celso Sabino--------------------------------- PR


Chico da Pesca------------------------------- PT


Edmilson Rodrigues--------------------------- Psol


Eliel Faustino------------------------------- PR


Valdir Ganzer-------------------------------- PT


Manoel Pioneiro------------------------------ PSDB



Deputados neutros na discussão sobre a Divisão do Pará


Pastor Divino-------------------------------- PRB


Alessandro Novelino-------------------------- PSC


Ana Cunha------------------------------------ PSDB


Raimundo Belo-------------------------------- PSB


Cilene Couto--------------------------------- PSDB


Deputado Macarrão---------------------------- PMDB


Edilson Moura-------------------------------- PT


Eduardo Costa-------------------------------- PTB


Haroldo Martins------------------------------ DEM


Júnior Ferrari------------------------------- PTB


Luiz Rebelo---------------------------------- PP


Luzineide Farias----------------------------- PR


Márcio Miranda------------------------------- DEM


Martinho Carmona----------------------------- PMDB


Nilma Lima----------------------------------- PMDB


Raimundo Santos------------------------------ PR


Simone Morgado------------------------------- PMDB


Deputados que são a favor da Divisão do Pará

Airton Faleiro------------------------------- PT


Alexandre Von-------------------------------- PSDB


Antonio Rocha-------------------------------- PMDB


Bernadete ten Caten-------------------------- PT


Cássio Andrade------------------------------- PSB


Fernando Coimbra----------------------------- PDT


Gabriel Guerreiro---------------------------- PV


Hilton Aguiar-------------------------------- PSC


João Salame---------------------------------- PPS


Josefina Carmo------------------------------- PMDB


Milton Zimmer-------------------------------- PT


Ozório Juvenil------------------------------- PMDB


Parsifal Pontes------------------------------ PMDB


Pio X---------------------------------------- PDT


Tião Miranda--------------------------------- PTB


Zé Maria------------------------------------- PT


Zé Megale------------------------------------ PSDB 

Os fins justificam os meios?

Antenadissíma na prioridade de manter-se senadora, Marino Brito (PSOL-PA) usa de toda sua eloquência no Senado para deferir discursos inflamados contra o governo Dilma, o PT e aqueles que julga seus adversários, mas quem a conhece desde quando  foi vereadora pelo PT em Belém, acha estranho o fato da Senadora não dizer um "ai" contra o colega de senado, Mário Couto (PSDB-PA), por coincidência o padrinho político de Sérgio Duboc, foragido da polícia há exatos 35 dias, quando teve o pedido de prisão preventiva pedido pelo Ministério Público do Pará por envolvimento na máfia da ALEPA.

A combatente senadora paraense, que esbraveja contra os corruptos em Brasília, bem poderia pelo menos pedir investigações no Senado para acabar com a proteção que Mário Couto goza aqui no Pará, onde todos sabemos o quanto está envolvido nas fraudes que envergonham o Estado, não é mesmo?
Há quem diga que o PSOL-Pa mira apoio financeiro velado de setores empresariais, de partidos da direita e até do governador Simão Jatene, nas eleições de 2012. Quem duvida não raciocina no fato de que ambos, PSOL e PSDB, estão interessados em abafar os 46% do eleitorado do PT, alcançados nas útimas eleições no Estado do Pará.
Estratégicamente, o PSOL-PA ganharia uma "pontinha" pra ajudar na campanha do partido, que nasceu querendo levar a militância do PT junto com os que deixaram a legenda por não conseguirem dirigí-la e hoje sonham eleger Edmilson Rodrigues em 2012 para a prefeitura de Belém e 2014 para o governo do Estado.
O termo maquiavélico "os fins justificam os meios", nunca estiveram tão em voga para o PSOL como agora. 
Atualização 
Algumas horas depois da senadora comemorar nas redes sociais a "vitória" por entender que o TRE-PA havia deixado-a ficar mais um pouquinho, Marinor Brito (PSOL) ficou mais nervosa que já é, ao receber a notícia publicada pela Folha de São Paulo, onde consta que o Supremo Tribunal Federal, corte máxima da justiça brasileira, julgou como inconstitucional o seu pedido que tentava empedir o Senador Eleito pelo Pará, Paulo Rocha (PT) de assumir a vaga que hoje ela ainda ocupa.
Rapidamente, a caixinha de comentário do blog se encheu do ranço e da gosma autoritária que habita alguns setores do partido de Marinor com ameaças chulas, pra variar né?
 Siga-me no Twitter: @JimmyNight

As Falas do PT

PT-Pa divulga resoluções do Encontro Estadual realizado no final do mês passado em Belém.

Entre os temas, a avaliação das últimas gestões, eleições, conquistas e avanços dos mesmo e dos movimentos sociais, a posição do partido sobre a criação dos Estado do Carajás e Tapajós, as Eleições 2012/2014 e as orientações partidárias.
Tudo aqui, clique e leia.

Rui Falcão, Presidente do PT fala em Belém

Entrevista com o presidente Nacional PT, durante o Encontro Estadual do partido, realizado no final do mês de Junho em Belém.

Entre os temas abordados, Rui Falcão falou da representação que o partido ingressou no Ministério Público Federal para que haja uma apuração mais isenta sobre os fatos que envolvem o Senador Mário Couto (PSDB-PA) no escândalo e fraudes da ALEPA, além da posição do partido sobre o plebicíto sobre a divisão do Estado do Pará e opinou sobre as redes sociais e a compreensão do PT sobre a importância das mesmas para a democratização da comunicação e a inclusão social do povo brasileiro.





Siga-me no Twitter: @JimmyNight